Teatro Carlos Gomes de Bragança Paulista: conteúdo histórico e referência para o futuro

12 de abril de 2019 | Por cemara

A cultura é um dos principais pilares de desenvolvimento das cidades e fatos históricos ocorrem dentro e fora dos grandes teatros municipais. E em Bragança Paulista não seria diferente. Esse conteúdo fica em torno do Teatro Carlos Gomes, importante ponto turístico do município e tombado como patrimônio histórico.

Construído em estilo neoclássico, entre os anos de 1892 e 1894, o Teatro Carlos Gomes é um marco importante na história do país: foi o primeiro teatro do interior do Estados de São Paulo. Mas o período de funcionamento do local foi curto, de apenas dez anos, porém sempre trazendo grandes atrações culturais e peças importantes e renomadas para a época. Seu espaço tinha capacidade de receber até 1.200 pessoas em um dia de espetáculo.

Com isso, o prédio foi doado à Diocese de Bragança Paulista no ano de 1927,  tornando-se o Colégio Diocesano São Luiz, que funcionou até 1968. A atual edificação foi tombada em dezembro de 2000 e foi adquirida pelo município em 2005. O plano para o local é transformá-lo em Centro Cultural e Biblioteca Municipal, com um teatro de arena para 100 espectadores, galeria de arte, salões de exposições, salas para oficinas, workshops e cursos. O Carlos Gomes abrigará também um teatro para 284 espectadores com mezaninos e sala de apoio. A sede da Secretaria de Cultura e Turismo vai para o Teatro. O espaço contemplará ainda uma biblioteca adulta com acervo mais de 22 mil livros. Uma cidade que preserva sua história para criar referências às gerações futuras merece respeito, investimento e um público digno de aplaudir os espetáculos culturais que por ali passam. E a Cemara quer acompanhar essa evolução e, junto com Bragança Paulista, fazer história!

Certificados e Prêmios



Realizações Cemara
Realizações Cemara
Realizações Cemara
Realizações Cemara