ORGANIZAÇÃO E LIMPEZA DA CASA PARA ALÉRGICOS

14 de novembro de 2014 | Por admin
Rinite

Shutterstock / Syda Productions

A rinite alérgica é um problema bem comum, quem não tem, sem dúvida conhece alguém que tenha. O tratamento varia de acordo com o caso, mas e alguns cuidados ajudam a amenizar diversos sintomas como a obstrução nasal, coriza, lacrimejamento, coceira no nariz, garganta e olhos, falta de ar, entre outros… Confira:

Cuidados em casa

gato no sofá

Anna Hoychuk

  • Não use espanadores de pó de jeito nenhum, eles fazem com que a poeira e pequenas partículas se espalhem no ambiente. Prefira aspiradores com filtro e use um pano úmido para remover o pó dos móveis e do chão.
  • Para aliviar a respiração se sentir o ar muito seco, coloque uma bacia com água ou um umidificador de ar no ambiente.
  • Se quem faz a limpeza é quem sofre com a rinite, utilize máscaras quando for realizar a faxina dos armários, estantes e prateleiras.
  • Deixe os ambientes arejados e expostos ao sol durante algum tempo. Ambientes fechados prejudicam a saúde, deixe o ar circular.
  • Escolha um estilo de decoração em que possa dispensar o uso de cortinas difíceis de lavar ou com muito tecido, carpetes, tapetes, almofadas ou de outros objetos que possam acumular poeira e ácaro. Cortinas do tipo persiana ou de material que possa ser limpo com pano úmido são mais adequadas.
  • Dê preferência aos pisos laváveis, como cerâmica, vinil e madeira, evitando tacos e carpetes.
  • Lave as roupas de cama pelo menos uma vez por semana e as que estiverem guardadas há algum tempo antes de usá-las.
  • Evite o contato dos animais de estimação com os estofados e camas, de preferência crie um espaço especial para eles.
  • Colchões e travesseiros podem ser envolvidos em capas impermeáveis aos ácaros, que podem ser encontradas em lojas de casa ou de camas.
  • Prefira os colchões e travesseiros de espuma, fibra ou látex. Penas e plumas são inimigos de quem sofre com a rinite.
  • Troque os travesseiros a cada dois anos, pois eles contem microclimas que favorecem a proliferação dos ácaros.
  • No quarto devem ser evitados bichos de pelúcia, se possível deixe em um canto separado do de dormir, e faça a manutenção de limpeza de maneira adequada.
  • Utilizar anti-mofo nos armários e locais mais fechados são essenciais para combater umidade no quarto.
  • Evite os produtos de limpeza com odor forte, inseticidas, perfumes e desodorantes em forma de spray ou talco.
  • Procure não fumar ou deixar que fumem dentro de casa, a fumaça faz mal não somente para a rinite.
  • Fique atento a filtros de ar condicionado de casa ou carro, pois esses devem ser trocados periodicamente.
  • Tenha sempre uma garrafinha ou copo de água ao seu alcance (perto da cama), e tome bastante, principalmente se você passa horas no ar condicionado.

 

*Fontes: Dr. Paulo Saraceni Neto – membro da Diretoria Executiva 2014 da Associação Brasileira de Otorrinolaringologia, Dr. Luiz Werber Bandeira – alergista, Renata Federighi – consultora de sono da Duoflex, Renato Ticoulat – diretor de novos negócios da Jan-Pro.

Fonte: BBEL  

Certificados e Prêmios



Realizações Cemara
Realizações Cemara
Realizações Cemara
Realizações Cemara