LISTA DE COMPRAS, REUTILIZAÇÃO E REFIS AJUDAM A COMBATER O DESPERDÍCIO

30 de outubro de 2014 | Por admin

universo-jatoba-lista-ecod

Adotar atitudes sustentáveis e contribuir com a preservação do meio ambiente são ações que não requerem, necessariamente, medidas complexas de parte dos cidadãos. Fazer lista do que falta na despensa de casa antes de ir às compras e elaborar um cardápio para a semana ajudam a combater o desperdício de comida e, consequentemente, de dinheiro.

“Fizemos contas e vimos que uma família joga fora em torno de 30% do que gasta com alimentos”, afirmou Helio Mattar, do Instituto Akatu, à Folha de S.Paulo.

Outra recomendação simples para evitar a perda de comida é colocar os produtos mais antigos na frente na despensa e congelar alimentos para consumi-los depois.

Ainda na despensa de casa, uma alternativa econômica é recorrer a refis – há versões de amaciantes, achocolatados, filtros de café, entre outros – e embalagens retornáveis, como de refrigerantes. “O consumidor reduz a quantidade de plástico usada na produção de embalagens e economiza, pois os refis costumam ser mais baratos”, ressaltou Jurandir Macedo, planejador financeiro.
Dar preferência a bens com maior durabilidade, usar os produtos enquanto em bom estado e consertar os quebrados são outras atitudes que, além de fazerem bem ao ambiente, poupam dinheiro.

Menos resíduos

“Quantas pessoas trocam o celular que ainda está funcionando perfeitamente?”, questionou Macedo.

“É preciso adotar uma atitude responsável. Ter cuidado com o descarte, com a embalagem. O ideal é que aquele produto deixe a menor quantidade de resíduos possível”, observou Alejandro Pinedo, professor do curso sustentabilidade empresarial do Insper, instituto de ensino.

Produtos orgânicos

Reciclar os resíduos não orgânicos reduz o uso de recursos naturais para a produção de novas mercadorias.

Produtos orgânicos logo vêm à cabeça ao pensar em adotar a sustentabilidade no dia a dia. Em sua produção, eles cumprem uma série de boas práticas ambientais e trabalhistas. Em geral, são mais caros, mas há benefício econômico indireto. “Quem tem situação econômica boa deveria consumir orgânicos, pois permitem que pequenos produtores se desenvolvam”, pontuou Macedo.

Fonte: Universo Jatobá 

Certificados e Prêmios



Realizações Cemara
Realizações Cemara
Realizações Cemara
Realizações Cemara