Condomínio supre déficit territorial

3 de junho de 2013 | Por admin

Empreendimento com terrenos a partir de 750m² é alternativa para empresários de Americana e região

Luiza Cazetta
Americana

Novo centro é opção para abertura e expansão de negócios de diversos ramos de atividade – Foto de João Carlos Nascimento – O Liberal

Foram mais de três anos procurando por um local que atendesse a nova realidade da empresa. De acordo com a proprietária Danieli de Campos, 40 anos, o negócio aberto em 2006, na área de gestão de terceiros nas grandes empresas, se expandiu e o prédio de 250 metros quadrados, localizado na Avenida Iacanga, em Americana, passou a não ser mais suficiente para comportar a empresa. “Queríamos sair do aluguel para um espaço próprio, mas estava difícil encontrar em Americana. Não tem loteamento aqui, fomos ver algumas opções, mas são terrenos particulares e o preço era inacessível”, explica a empresária. Foi, então, que Danieli conheceu um novo loteamento industrial na cidade, denominado de Centro Empresarial e Industrial Nove de Julho. “Estou saindo de 250 metros quadrados para 750 metros quadrados”, destaca.

Localizado no quilômetro 128 da Rodovia Anhanguera, com acesso pela Avenida Nicolau João Abdalla, Danieli ressalta que o fácil acesso foi um fator primordial na hora da compra. “Eu não dependo de ponto comercial, dependo do fácil acesso das rodovias. Esse foi o ponto-chave, mas também levei em consideração a segurança, a estrutura e o tamanho do terreno”, afirma. Entretanto, a dificuldade de encontrar um espaço físico adequado não foi exclusividade de Danieli. De acordo com Carla Roberto, gerente de vendas da Cemara Loteamentos, responsável pelo Centro Empresarial e Industrial Nove de Julho, antes de realizar o pré-lançamento houve uma pesquisa que detectou uma demanda do setor empresarial por espaço físico na região. “Americana é uma cidade fantástica economicamente falando, só que em questão territorial não tem muito a expandir. Havia uma carência na cidade e na região de uma área industrial”, explica.

O empreendimento foi desenvolvido para atender as pequenas e médias empresas e possui 439 lotes, com metragem mínima de 750 metros por terreno. Num primeiro momento, com o pré-lançamento realizado no início do mês passado, foram vendidos lotes para empresários da região. Porém, no lançamento oficial, com data ainda indefinida, será aberto para interessados de outras cidades.

Fonte: Jornal O Liberal – Domingo, 02 de Junho de 2013.

Certificados e Prêmios



Realizações Cemara
Realizações Cemara
Realizações Cemara
Realizações Cemara