Mostrando posts da categoria: Notícias sobre Loteamentos


O mercado imobiliário em transformação – Artigo

12 de julho de 2011 | Por cemara

O que diferencia uma empresa imobiliária da outra? Essa é uma pergunta crucial para aqueles que querem um lugar ao sol neste mercado.

Certamente não é mais apenas a venda do “imóvel dos sonhos”, mas sim a busca por satisfação e um atendimento diferenciado, palavras de difícil compreensão para muitas empresas do setor.

Atendimento pressupõe o cliente receber um serviço verdadeiramente completo e único, que traga a ele um grau de satisfação hoje raramente vista.

As imobiliárias são praticamente iguais, se engalfinhando por um mercado que está em consolidação e constante transformação. Todas, sem exceção, informam que possuem os melhores produtos do mercado, com financiamentos e facilidades de pagamento. Mas esquecem o quanto poderiam, com ações simples, entender seus reais anseios e satisfazer esse cliente, fazendo com ele tenha intenção clara de voltar – criar com ele um vínculo, uma referência. (mais…)



Segmento comercial começa a voltar ao radar da construção civil

8 de julho de 2011 | Por cemara

Construtoras e incorporadoras mantêm altas as expectativas de construção de prédios comerciais para 2011, e a ação deve ser reforçada neste segundo semestre. No segmento de luxo, a consultoria internacional Jones Lang LaSalle afirmou que este ano já foram investidos R$ 4,6 bilhões no Brasil, ou seja, uma alta de 77% ante 2010.

A retomada do segmento comercial vem logo depois da euforia da construção focada na classe econômica, com o programa “Minha Casa, Minha Vida”, e dos investimentos federais centrados em obras de infraestrutura, mesmo com o sinal amarelo ligado quanto a uma possível desaceleração brasileira no setor de construção civil.

De acordo com Viviane Guirão, diretora da consultoria ITC Net, no ano passado os interesses das grandes construtoras estavam em outro segmento. “Mas isso já está mudando, as grandes empresas já fizeram suas aplicações nos outros setores, e a carência no setor comercial já começa a aparecer.” (mais…)



Preço de apartamentos usados sobe 2,3% em junho, diz pesquisa

| Por cemara

SÃO PAULO – O preço de venda  de apartamentos usados aumentou, em média, 2,3% em junho, ante 2,6% registrados no mês anterior, revelou o indicador elaborado pela Fipe (Fundação Instituto de Pesquisa Econômica) e pela Zap Imóveis, que trata de unidades residenciais anunciadas em seis capitais brasileiras.

Em junho, conforme o levantamento divulgado nesta segunda-feira (4), os preços subiram mais em Recife (3,1%) e no Rio de Janeiro (3%). São Paulo ficou na terceira posição, com acréscimo de 2,6%. Fortaleza apresentou alta de 2,4%, Belo Horizonte, de 1,5% e Distrito Federal, de 1,3%. Salvador registrou leve queda de 0,6%.

Em 12 meses, o Rio de Janeiro acumula alta de 44%, São Paulo, de 29%, Belo Horizonte, de 28% e Fortaleza, de 16%.No ano, o destaque é o Rio de Janeiro, com alta nos preços de 19,5%, seguido por Belo Horizonte, que acumula acréscimo de 16%, e Recife (15%). Em média, houve alta de 14,6% no indicador. (mais…)



Tenha um jardim de inverno

| Por cemara

Ter um jardim dentro de casa exige alguns cuidados especiais. Confira.

O uso do jardim de inverno, sem cobertura, é indicado apenas se houver vedação lateral, que pode ser feita com vidro ou alvenaria. Não existe a possibilidade de criar um jardim no meio da casa sem que se tenha paredes laterais para bloquear a passagem da chuva e oferecer segurança aos moradores.

Existem duas situações de jardins, aqueles construídos sobre terreno natural e aqueles construídos sobre laje de concreto. Nos dois casos, alguns cuidados são necessários.

Em jardins sobre laje, a “caixa” de terra deve ter no mínimo 50 cm de altura e a estrutura precisa ser reforçada em função desse peso. Além disso, a impermeabilização e a drenagem são fundamentais para o sucesso do conjunto. Já naqueles projetados sobre terreno natural, o solo deve ser preparado para não represar água. (mais…)



Mude! Telhado vivo

7 de julho de 2011 | Por cemara

Plantas na cobertura se multiplicam pelo país e trazem conforto acústico e térmico para a casa por R$ 125 o m²

Bruna Borges – Colaboração para a Folha

Folha de São Paulo – Imóveis – página F2 de 26 de junho de 2011.

Na tentativa de tornar o concreto das cidades mais agradável, construções com telhados verdes se multiplicam pelo país.

São 120 mil metros quadrados de telhados verdes, segundo o GBC Brasil (conselho de construção sustentável).

A cobertura vegetal sobre lajes e telhas embeleza, reduz o risco de enchentes na cidade e beneficia o morador.

“O usuário se beneficia com a melhoria do conforto termoacústico e com a redução do estresse urbano”, diz Roberto Lamberts, membro do Conselho Brasileiro de Construção Sustentável. (mais…)



Imóveis: com alta de preços, especialistas comentam se é melhor comprar ou alugar

6 de julho de 2011 | Por cemara

05 de julho de 2011 • 10h00

Por: Diego Lazzaris Borges

SÃO PAULO – Comprar um imóvel à vista ou investir o valor e, com o rendimento, pagar aluguel? Com o preço dos imóveis cada vez mais caro, a segunda alternativa tem sido cogitada por muitas pessoas.

Fazendo uma conta simples, se o percentual do aluguel em relação ao imóvel for menor do que o rendimento do investimento, a aplicação financeira pode ser uma alternativa mais interessante.

“O preço dos imoveis reajustou muito nos últimos 3 e 4 anos, e os aluguéis não acompanharam essa valorização tão acentuada. Em muitos lugares, o aluguel está 0,3% do preço do imóvel. Nesta condição, você pode investir em uma aplicação com risco baixo, pagar o aluguel e ainda ganhar a diferença”, afirma o vice-presidente do IBEF (Instituto Brasileiro de Executivos de Finanças) e ator do Livro “Imóveis”, Luiz Calado.

O planejador financeiro Valter Police concorda. “Se você fizer o cálculo, financeiramente, é muito provável que aplicando o dinheiro e alugando o imóvel você consiga ter uma vantagem financeira. Mas isso vai depender do imóvel e da aplicação financeira que você escolher”, afirma Police. (mais…)



Os desafios do Marketing Imobiliário

4 de julho de 2011 | Por cemara

Evento discutiu a nova forma de se relacionar com o consumidor

Postado por: Rodrigo Marques

Em um mercado cada vez mais competitivo, as empresas têm de buscar a todo o momento novas formas de atingir o consumidor, cada vez mais exigente e antenado nas constantes inovações que estão ao seu alcance. Paras as incorporadoras, construtoras e imobiliárias esta realidade não é diferente. As novas tecnologias e as redes sociais estão se consolidando neste novo momento do marketing imobiliário como importantes diferenciais para conseguir estabelecer uma relação mais próxima com os clientes.

Diante dessas novas tendências que já fazem parte da realidade da compra e venda de imóveis, a Revista Metro Quadrado decidiu apoiar a 6ª conferência sobre Marketing Imobiliário, promovida pela IBC Brasil. O evento, que aconteceu em São Paulo, entre os dias 28 e 30 de junho, discutiu desde a utilização de novas ferramentas online e mídias sociais até a análise da regionalização da comunicação. Os participantes também conheceram exclusivos cases de marketing e campanhas publicitárias de sucesso do setor. (mais…)



Inverno: conheça os vilões da sua conta de luz na estação mais charmosa do ano

1 de julho de 2011 | Por cemara

 

SÃO PAULO – As quedas das temperaturas vêm acompanhadas com o glamour das roupas do frio, o aconchego de um cobertor e o sabor do chocolate quente. Mas a chegada do inverno, que começa nesta terça-feira (21) às 14h16, também é marcada por grandes aumentos na conta de luz dos consumidores.

Assim como ocorreu nos demais anos, aquecedores, torneiras elétricas, chuveiros com a potência máxima e outros itens são ligados excessivamente para amenizar as baixas temperaturas dentro de casa. O conforto dos moradores, entretanto, eleva os gastos.

De acordo com especialistas, o valor da conta de luz, no inverno, chega a subir de 20% até 50%, dependendo da região, do tamanho da família e dos hábitos de cada uma. (mais…)



Festa de Carioba

| Por cemara

Mais uma vez a Cemara Loteamentos participou da tradicional Festa de São João no Carioba. A festa foi um sucesso! Contando com a presença de inúmeros participantes! Parabéns a todos os organizadores envolvidos, tudo estava muito bem planejado e bonito. Muita gente alegre, famílias inteiras curtindo esse momento tão especial.

Nestes dias de festa, a Cemara pôde apresentar todos os seus loteamentos aos convidados com muita satisfação. Muitas pessoas passaram pelo nosso stand, tornando este evento um sucesso. O pessoal ficou impressionado com os nossos empreendimentos pela qualidade, sofisticação, localização entre tantos outros benefícios ofertados.

Houve muitos contatos e várias pessoas já passaram pelos nossos empreendimentos para conhecer, em especial o Jardim dos Ipês Amarelos, o qual encontra-se localizado na Rua Carioba.

Venha conhecer você também os nossos empreendimentos, não perca esta oportunidade!



Materiais de Construção – Como Comprar?

| Por cemara

Fundação PROCON-SP http://www.procon.sp.gov.br

Comprar material de construção requer alguns cuidados. Sempre que possível, consulte um profissional da área, capaz de orientá-lo. Realize uma pesquisa de preços junto às lojas ou por meio de cadernos especializados de jornais e revistas. Veja abaixo algumas dicas sobre materiais que compõem a estrutura da construção.

Cimento e areia

Verifique o prazo de validade na embalagem do cimento, evitando adquiri-lo com muita antecedência. É comum esse material empedrar ao ficar muito tempo guardado, além de estar sujeito ao comprometimento de sua qualidade, em função de condições desfavoráveis de armazenamento.

A areia pode ser grossa, fina ou misturada e deve ser adquirida de acordo com a necessidade da obra. Pode ser vendida em grandes quantidades, por metro cúbico, ou em pequenas embalagens plásticas. Evite comprar areia quando ela estiver úmida, pois isso pode alterar a sua quantidade. Verifique também se não há terra ou pó de serragem misturados à areia, o que poderá provocar problemas na obra. (mais…)



O futuro da web está no Facebook?

29 de junho de 2011 | Por cemara

Ao centralizar diversas atividades e prender o usuário na sua página, a rede social criada por Mark Zuckerberg chega a 596 milhões de internautas e ultrapassa o Google em audiência. Veja como funciona o ecossistema que transformou o facebook em um gigante avaliado em US$ 50 bilhões.

Kátia Arima e Maurício Moraes

“Queremos moldar o futuro da internet.” A frase é de Mark Zuckerberg, o jovem brilhante e polêmico de 26 anos que colocou no ar, em fevereiro de 2004, a rede social que mais cresce no mundo. Exagero de Zuckerberg? Parece que não. Você pode até achar o Facebook uma bobagem que só serve para postar para postar recados de aniversário, cutucar os amigos ou compartilhar fotos das férias, mas saiba que a rede tornou-se um fenômeno da internet ao centralizar uma série de atividades. Tanto que, no ano passado, deixou o líder Google para trás em audiência nos Estados Unidos. O Facebook tem 596 milhões de usuários ativos e já atrai uma multidão de 2,5 milhões de desenvolvedores. (mais…)



Câmara aprova parcelamento de dívida

28 de junho de 2011 | Por cemara

Projeto prevê desconto de 50% em juros para quem optar pelo pagamento à vista de impostos

Rodrigo Pereira

TodoDia – caderno Cidades, página 03 de 17 de junho de 2011.

A Câmara de Americana aprovou ontem, em primeira discussão, um projeto que cria o Programa de Parcelamento Incentivado, que prevê desconto de 50% em multas e juros para o pagamento à vista de dívidas de contribuintes com a prefeitura. O projeto ainda prevê desconto de 15% para pagamento em duas parcelas e de 20% em três. De acordo com a Secretaria de Fazenda, a dívida ativa hoje é de R$ 327 milhões.

A propositura, de autoria dos vendedores Luiz Antonio Crivelari (PP), Paulo Chocolatte Vieira Neves (PSC), Thiago Brochi (PSDB), Valdecir Duzzi (PSDB), Leonora da Silva Périco, a Leonora dos Postinho (PPS), Odair Dias (PV) e Reinado Chiconi (PMDB), tem como justificativa o incentivo ao acerto de contas e aumento da arrecadação municipal.

De acordo com o secretário de Fazenda, José Antonio Patrocínio, a lei incidirá sobre o parcelamento de débitos de qualquer natureza, tributários e não tributários. Os interessados no pagamento à vista ou através de parcelamento de débitos deverão consultar as unidades da Secretaria de Fazenda, encarregadas da arrecadação ou da inscrição em dívida ativa para realizar o acordo, caso a lei seja aprovada em segunda discussão e publicada.

O vereador Celso Zoppi (PT), que teve um pedido de vistas da matéria negado em votação, se posicionou contra a iniciativa. “Virou uma prática perdoar o inadimplente. Isso gera mau exemplo”, argumentou. Crivelari defendeu a proposta e afirmou não acreditar que a medida desestimule o pagamento correto. “Todos procuram pagar, mas nem sempre conseguem. Essa propositura vem para beneficiar estes munícipes”, afirmou.

Além do desconto nas multas e juros, o projeto prevê o parcelamento em até 50 vezes do montante original da dívida. O desconto para o pagamento à vista, de 20% originalmente, foi estendido para 50% por emenda de Paulo Chocolate.

Dívida

De junho de 2009 a junho deste ano, a dívida ativa dos contribuintes junto ao município cresceu 30,8% – de R$ 250 milhões para R$ 327 milhões. O valor pendente corresponde previsto para este ano, de R$ 457,2 milhões.



Cobrança da CIP é ilegal, determina sentença de juíza

27 de junho de 2011 | Por cemara

Aline Macário

O Liberal – Caderno Cidades, página 04 de 11 de junho de 2011.

Dois anos depois de ter sido instituída, a cobrança da CIP (Cobrança de Iluminação Pública) pela Prefeitura de Americana foi julgada ilegal. A decisão é da juíza substituta da 3ª Vara Cível de Americana, Cinthia Elias de Almeida, em mandado de segurança ajuizado pelo Sindicond (Sindicato dos Condôminos do Estado de São Paulo). Pela sentença, a Prefeitura fica proibida de cobrar a CIP dos associados do sindicato, que representam cerca de 20 mil famílias em Americana. De acordo com o sindicato, a decisão pode ser utilizada como base para ações judiciais propostas por qualquer contribuinte.

Em sentença proferida na última terça-feira, a juíza considerou inconstitucionais alguns itens da Lei Municipal 4.901/09, que instituiu a contribuição. A CIP é cobrada, desde o início do ano passado, na conta de energia elétrica das residências que consomem acima de 140 KW / h por mês. O valor foi reajustado para R$ 7,49 por unidade consumidora no mês passado.

A juíza entendeu que a lei transbordou sua competência tributária, já que o serviço de iluminação pública não se confunde com obra pública para iluminação. A lei estabelece que a contribuição serve para custear melhorias, instalação ou expansão da rede de iluminação. “Isso porque, serviço, na acepção dada pela legislação financeira, significa manter, financiar um serviço já existente e não criar novo serviço”, avaliou. A juíza também considerou inconstitucional a instituição de um valor fixo para todos os consumidores, o que violaria os princípios de isonomia e capacidade tributária.

O presidente do Sindicond, Jose Luiz Bregaida, defendeu que a CIP significa a aplicação da mesma tributação por três vezes, já que o serviço de iluminação já é cobrado do loteador e também no IPTU (Imposto Predial Territorial Urbano). “A iluminação pública é um serviço indivisível e por isso a cobrança é inconstitucional. A iluminação pública é de responsabilidade do município”, avaliou.

Ele disse que a sentença favorável ao Sindicond poderá ser utilizada por qualquer contribuinte ou associação de moradores com seus efeitos e derrubar a cobrança. A Prefeitura ainda poderá recorrer da decisão, após ser notificada, e solicitar o efeito suspensivo da sentença.

No ano passado, a arrecadação prevista era de R$ 4,8 milhões com a cobrança. Mantidas as mesmas estimativas para este ano, a declaração da taxa representaria cerca de R$ 200 mil a mais nos cofres da Prefeitura até dezembro. Em abril, a Câmara rejeitou o projeto de lei de autoria do vereador Oswaldo Nogueira (DEM), que revoga a cobrança da taxa.

 



Revogação da CIP será reapresentada no Legislativo

24 de junho de 2011 | Por cemara

Aline Macário

O Liberal – Caderno Cidades, página 04 de 16 de junho de 2011.

O projeto de lei que solicita a revogação da cobrança da CIP (Contribuição de Iluminação Pública) será reapresentado na Câmara de Americana. No entanto,  com um novo embasamento jurídico, a matéria voltará à discussão, através de proposta que será assinada pelos vereadores Oswaldo Nogueira (DEM) e Celso Zoppi (PT). A CIP é cobrada, desde o início do ano passado, na conta de energia elétrica das residências que consomem acima de 140 KW/h por mês. O valor é de R$ 7,49 por residência.

Os vereadores terão que coletar cinco assinaturas para que o projeto volte a tramitar na Casa, tendo em vista que já foi rejeitado.  Eles garantem que já existe apoio suficiente para que a matéria, proposta em abril por Oswaldo, seja novamente apreciada. O projeto deve ser protocolado até amanhã.

De acordo com Zoppi, a idéia é se basear no que foi definido pela Súmula 670 do STF (Supremo Tribunal  Federal) e na sentença emitida em primeira instância pela 3ª Vara Cível de Americana, que determinou a suspensão da cobrança da contribuição dos associados do Sindicond (Sindicato dos Condôminos do Estado de São Paulo) autor de um mandado de segurança contra a contribuição.

“A decisão na ação dos condôminos também é um argumento que pode reforçar  defesa do projeto”, analisou Zoppi. “Ao ser divulgada a vitória dos condôminos, há um estímulo dos cidadãos a também acionarem a Justiça. Por isso, o ideal seria a Câmara já revogar a cobrança”.

Para o vereador, com uma avalanche de processos judiciais, a Prefeitura terá ainda mais trabalho para defender a cobrança e disponibilizar funcionários e procuradores jurídicos para acompanharem essa questão. “A cobrança agora é até contraproducente para a Prefeitura”, avaliou. Ele disse que a esperança é, a partir desse embasamento jurídico, garantir o apoio de outros vereadores para que, desta vez, a revogação da CIP seja aprovada. “Quem sabe mais alguns vereadores acordam que essa lei é inconstitucional”, disse.

 



Páginas:«1...2021222324252627»

Certificados e Prêmios



Realizações Cemara
Realizações Cemara
Realizações Cemara
Realizações Cemara