Mostrando posts da categoria: Dicas


Perspectivas positivas para o mercado imobiliário em 2019

18 de janeiro de 2019 | Por cemara

Este ano promete ser o ano da retomada do mercado imobiliário no Brasil. Recentes levantamentos do setor indicam um viés de alta nos últimos meses de 2018.

O mercado imobiliário possui um ciclo composto por quatro fases: expansão, excesso, recessão e recuperação. Após a crise que assolou o mercado imobiliário no começo desta década, entramos na fase da recuperação no segundo semestre de 2017. Desde então, o setor passou a demonstrar melhoras gradativas e substanciais, em especial nas vendas, que cresceram cerca de 10% em 2018.

Devido a diversos fatores, entre os quais se pode destacar a queda da inflação, a diminuição da taxa de juros e de financiamento, o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) nacional, a iminente regulação do distrato e ainda as definições políticas nos cenários estadual e federal, o mercado imobiliário tem notado um significativo aumento no índice de confiança de empresários e consumidores.

Prova disso é que houve um aumento de 52% no número de unidades comercializadas na cidade de São Paulo de janeiro a junho de 2018, em comparação com o mesmo período de 2017, melhor resultado desde o início da crise em 2013. Outro exemplo que demonstra a reação do mercado imobiliário é que o lançamento de novos projetos cresceu 30% no terceiro trimestre deste ano e, segundo corretores e investidores, a movimentação cresceu ainda mais depois das eleições.

Esse ambiente tem criado expectativas bastante positivas para o setor em 2019. Segundo dados, sinais, indicadores e especialistas, devemos entrar em um período de normalidade econômica. Com isso, a tendência é de crescimento, ainda mais considerando que teremos a entrada em vigor de algumas novidades, como o aumento do teto para a compra de imóvel com FGTS para R$ 1,5 milhão e a ampliação do Programa Minha Casa Minha Vida.

Ao que tudo indica, 2019 deve ser um bom ano para quem quer vender ou comprar um imóvel e também para quem quer investir no mercado, seja no setor residencial, cuja tendência são imóveis compactos com infraestrutura e a locação por temporada, seja no setor comercial, no qual as empresas têm apostado em um conceito mais colaborativo, com espaços mais amplos e menos divididos, seja ainda em fundos imobiliários, que voltam a ser uma boa opção de investimento.

Fonte: Estadão

 



5 dicas para seu home office ser mais produtivo

| Por cemara

Trabalhar em casa pode proporcionar muitas vantagens ao profissional, se ele souber aproveitar o ambiente home office. Reduzir seu tempo de deslocamento de casa para o trabalho, estar mais próximo da família em caso de necessidade e ter mais liberdade para desempenhar suas atividades são só alguns exemplos. Porém, também há desvantagens. Para que o home office seja produtivo, é necessário muita maturidade e responsabilidade do profissional. Isso porque, em casa, é muito fácil se distrair, se envolver com outras atividades domésticas e, ao final do dia, não concluir todas as atividades planejadas.

Algumas dicas podem te ajudar a tirar melhor proveito do ambiente home office. Confira algumas a seguir:

1 – Aproveite o tempo extra

O home office gera um grande ganho de tempo. Em São Paulo, por exemplo, é comum os profissionais perderem de duas a quatro horas por dia, trancafiados em seus carros ou no transporte público, no trajeto de casa ao trabalho. Portanto, aproveite este tempo extra para tomar um bom café da manhã, um banho relaxante, conversar com sua família e amigos etc. Essas atividades trarão mais qualidade de vida e, assim, você conseguirá ser mais produtivo no tempo dedicado exclusivamente a trabalhar.

2 – Prepare-se para o trabalho

Trabalhar em casa pode ser um desafio até mesmo para nosso cérebro. Ele está acostumado a associar nossa casa a situações de conforto, diversão, socialização, entre outros. Por isso, é importante você mostrar para sua mente que, durante as próximas oito horas, você estará trabalhando, apesar de estar em casa. Essa preparação consiste em você se arrumar como geralmente faz para ir trabalhar: vestir-se adequadamente, fazer a barba ou maquiar-se.

3 – Evite distrações

Nossas casas são ambientes preparados para nos distrair. Televisão e telefone fixo devem ser evitados ao máximo. De preferência, escolha um ambiente que não possua estes aparelhos. Se houver mais alguma pessoa em sua casa, oriente-a para só te interromper em caso de emergência, delegando a ela atividades como atender ao telefone, interfone ou campainha.

4 – Gerencie o uso do seu tempo com cuidado

Antes de iniciar seu trabalho, liste as tarefas mais importantes que deve finalizar no dia. Dedique períodos de até 50 minutos para desempenhar cada atividade. Após este período, descanse 10 minutos e, se necessário, retome a atividade por mais 50 minutos.

5 – Mantenha os relacionamentos com os colegas do trabalho

Uma consequência natural de trabalharmos remotamente é a distância de nossa equipe, subordinados, pares e líderes. Esse afastamento tem suas desvantagens, afinal, você é parte de uma engrenagem que está funcionando e deve ser percebido como tal por todas as pessoas que trabalham com você. Além disso, é fundamental interagir com pessoas no trabalho. Relacionar-se faz parte da natureza humana. Portanto, entre em contato com sua equipe ao longo do dia para obter ou fornecer orientações, tirar dúvidas ou acompanhar as tarefas.

Fonte: Catho



O Residencial Vila-Lobos está pronto para construir!

16 de janeiro de 2019 | Por cemara

Informamos que a Prefeitura Municipal de São José de Rio Preto em conjunto com o SEMAE, vistoriaram o loteamento Residencial Vila-Lobos e certificaram que as obras de infraestrutura estão concluídas, na forma dos projetos e dentro das normas de qualidade dos orgãos municipais.

Com essa certificação da Prefeitura, podem ser iniciadas as construções mediante aprovação dos projetos.
Ficamos a disposição para mais esclarecimentos em nossos canais de atendimento.

Equipe Cemara Loteamentos



Dicas para planejar sua reforma

20 de dezembro de 2018 | Por cemara

1 – Antes de solicitar o financiamento para a compra do material de construção, é preciso ter todo o planejamento dos serviços que serão necessários para a reforma (o Construcard não pode ser usado para pagar mão de obra).

2 – Verifique a convenção do condomínio com relação a obras como também os horários permitidos para obra e locais para colocação dos entulhos.

3 – Se a reforma envolver modulados, considere toda a planta do apartamento para não haver problemas posteriores com espaço ou circulação.

4 – Procure a orientação profissional para elaborar o projeto, calcular e escolher os materiais.

5 – Contrate pedreiros de confiança.

6 – Combine previamente com o pedreiro o transporte vertical do material (subida do material e descida de entulho).

7 – Mude primeiro os cômodos internos e deixe a sala por último.

8 – Evite quebrar paredes ou trocar pisos e azulejos para o barato não sair caro.

9 – Trocar piso é uma obra cara, suja e barulhenta. Considere usar laminados.

10 – Se for uma obra superficial, sugerimos apenas a intervenção com gesso e iluminação. Outra opção é trocar os rodapés pequenos por material reciclado.

11 – Na hora de comprar os materiais de acabamento, compre tudo de uma vez para negociar um desconto maior com a loja.

12 – Não compre móveis por impulso.

FONTE: Extra Globo



Área gourmet: aproveite o verão para se inspirar

| Por cemara

Espaços gourmet podem ter estilos variados e explorar diferentes móveis e itens decorativos. A área gourmet não precisa ser necessariamente grande, mas é preciso contar com uma área de apoio, com armários e pia, além de mesas e cadeiras para acomodar os convidados.

A seguir, apresentamos algumas referências para você se inspirar e otimizar o seu espaço:

1 – Área gourmet pequena

Não é necessário um ambiente grande para criar um ambiente onde você poderá receber a família e os amigos para uma festa.

Quem mora em apartamento, é comum utilizar a varanda como uma área gourmet. A varanda não precisa seguir necessariamente a decoração de um apartamento. É interessante que a varanda seja um ambiente diferente para se destacar como espaço único dentro de sua casa.

2 – Área gourmet com piscina

Uma vantagem para quem mora em casa é a possibilidade de ter uma área gourmet com piscina. A área com piscina proporciona maior aproveitamento do espaço, afinal, quem não curte se refrescar nesse verão?

É importante planejar como o espaço será distribuído pela área gourmet, garantindo fácil acesso de uma área para a outra. Outra dica importante é planejar o tipo de cobertura que será usada para a área gourmet, pensando tanto nos dias de sol como nos de chuva.

Fonte: Blog Lopes



Bairros planejados = Mais qualidade de vida para todos

| Por cemara

O conceito de bairro planejado surgiu da necessidade de proporcionar uma infraestrutura melhor aos cidadãos, com a combinação dos fatores eficiência, qualidade de vida e sustentabilidade, agregando algumas características como infraestrutura, mobiliário urbano, ruas largas, calçamento, ciclovias, paisagismo e a intenção de criar um senso de comunidade entre os moradores. Além de aliar conforto, segurança, tranquilidade e organização, tendo como pilares principais:

• Mobilidade
• Saúde
• Comércio
• Educação
• Lazer e cultura

Esse conceito surgiu como alternativa ao desenvolvimento sustentável das cidades e para promover a qualidade urbana com espaços públicos e áreas verdes bem projetadas, respeitando os pedestres, ciclistas, transportes coletivos, escolas, comércio e serviços básicos de lazer, saúde e também segurança próximos de casa.

Nesses bairros, os muros são substituídos por cercas vivas e o cenário inclui ainda áreas comerciais com prestadores de serviços, comerciantes e alguns tipos de indústria. A valorização de áreas verdes também é importante, com grande presença de parques e praças comunitárias.

A maior vantagem de se viver em um bairro planejado é a possibilidade da autogestão que esses bairros proporcionam, atribuindo poder ao coletivo, com regras de convivência predefinidas.

Conheça as oportunidades de bairros planejados lançados pela Cemara: https://www.cemara.com.br/

Fonte: Sebrae Mercados



Ideias para a decoração da Ceia

14 de dezembro de 2018 | Por cemara

Seja com frios, petiscos, doces, frutas ou pães, o que vale é inovar na decoração da sua mesa e tornar este momento especial ainda mais saboroso.

Uma sugestão simples é criar uma árvore de Natal só com comidinhas que sua família gosta. Ela pode ficar em pé, disposta verticalmente, ou sobre uma tábua de frios ou bandeja. Veja alguns exemplos criativos e faça você também!

1. Um jeito divertido de servir frios e petiscos na mesa de Natal é criando uma árvore com eles em cima de uma tábua.

2. A árvore de cookies é feita de vários biscoitos em formato de estrela decorada e com tamanhos diferentes.

3. Para quem gosta de frutas tropicais e coloridas, esta árvore usa uma base com maçã e muito palito de dente.

4. Esta outra feita de frutas usa uvas, carambolas (que tem formato de estrela), bolinhas de melancia, kiwis e laranjas.

5. Macarons coloridos dão a forma e o sabor desta árvore.

6. Uma outra variação de árvore feita com cookies, esta tem bolinhas metalizadas como enfeite.

7. O croquembouche ou torre de profiteroles é um prato digno de prova do Masterchef. E não parece uma árvore de Natal?

8. No mesmo estilo, esta árvore é feita de suspiros.

9. Estas bolachas são feitas de gengibre e canela.

10. Esta árvore usa dois tipos de queijo, tomates e ramos de alecrim para enfeite.

11. Cookies de chocolate também podem virar árvores. Confeitos coloridos podem virar enfeites

12. Pilhas de maçãs viram um original centro de mesa.

13. Por que não uma pizza em forma de árvore de Natal?

14. Kiwis viram folhas e sua casca imita o tronco. Para enfeitar? Morangos.

15. Esta aqui demanda talento culinário: depois de montar a estrutura com biscoitos, muita habilidade com o confeito para completar.

16. Panquecas de tamanhos diferentes, chantilly, morango e M&Ms. Está pronta!

17. É uma árvore e também uma sobremesa sofisticada.

18. Bala de goma, jujuba, bala de coco ou pirulito? Dá para criar árvores com todos!

19. É como se fosse vários pãezinhos recheados com queijo. O que vocês acham?

20. Esta aqui é feita de cereal de arroz, sabe aqueles do café da manhã?

21. Para terminar, que tal usar as cápsulas da máquina de café?

FONTE: Casa Abril



Tendências de Arquitetura e Decoração para 2019

| Por cemara

O ano novo está chegando e com ele chegam novas metas, objetivos e desafios. Nessa lista de renovações de voto, muitas vezes a decoração se inclui para adaptar-se às novas tendências.
E para você que quer começar desde já a pensar ou planejar sua nova decoração, selecionamos algumas tendências para a decoração de interiores 2019. Entre elas, estão a preferência para o aconchego e para referências que nos aproximam da natureza. Veja:

Cores
A decoração de interiores 2019 será regida por tons que nos remetem à terra e à natureza. Algumas cores que podemos usar para conseguir esse efeito são tons quentes de bege, diferentes tonalidades de verdes, vermelhos, terracota e laranjas, criando assim uma atmosfera mais aconchegante e relaxante. Trata-se de uma paleta de cores mais quentes e impactantes que no ano anterior, mas menos saturadas.

Verde e plantas
O verde vai entrar na decoração através do uso de muitas plantas para nos reconectar com a natureza, mas também estará nas cores de paredes, tanto para sala como para o quarto. Destacamos a cor verde suave que cria uma atmosfera mais fresca e envolvente na parede do seu ambiente.

Dourado
O dourado também estará muito presente na decoração 2019. Adornos, espelhos, cachepots, pés de mesas e cadeiras, poltronas e sofás podem receber esse toque de sofisticação e brilho.

Cozinha com madeira natural e tons terra
Cozinha com superfícies marrons e de madeira natural, contrastando com parede amarela e armários brancos.

Formas
Em 2019, vamos deixar um pouco de lado as linhas retas que vinham fazendo sucesso nos últimos anos, principalmente com a ascensão do estilo escandinavo ou nórdico, mais minimalista. Agora as curvas estarão presentes em diversos detalhes da sua decoração de interior. As formas orgânicas, mais uma vez, que nos remetem a formas da natureza, têm como objetivo transformar os ambientes em espaços mais confortáveis, para o corpo e para a vista.

Espelho oval
Essas curvas podem ser vistas em muitos elementos da decoração como em tapetes, espelhos e até mesmo em alguns móveis, como mesas de centro, mesas auxiliares, poltronas e sofás. A ordem agora é ousar e criar novas sensações com móveis curvilíneos. Tudo isso para que a gente se aproxime ainda mais da natureza.



5 IDEIAS PARA VOCÊ FAZER NO DIA DA FAMÍLIA

7 de dezembro de 2018 | Por cemara

O Dia da Família é comemorado em 8 de dezembro e coincide com o Dia de Nossa Senhora da Imaculada Conceição, sendo feriado em alguns municípios. A data foi criada com o objetivo de lembrar a importância da família na vida de uma pessoa, ajudando na formação da educação, cultura, moral e ética comum a todos.
No entanto, acreditamos que esse dia deve ser comemorado todos os dias. Afinal, todo dia deve ser agradável ao lado de quem se ama. Pensando em comemorar a data e levar os hábitos para a rotina, selecionamos algumas sugestões do que fazer. Confira:

Café da manhã
Acorde mais cedo e prepare um café da manhã especial para sua família, com as comidas preferidas de cada um e uma decoração personalizada com fotos. Também vale convidar familiares que não moram em sua casa.

Jogo da árvore genealógica
Comece escrevendo quem você conhece, depois vá pedindo aos outros membros da família. Se precisarem de ajuda, procure por sites que podem ajudar na brincadeira.

Relembre momentos por fotos e filmes
Toda família tem aquele álbum de fotos e vídeos dos momentos mais marcantes. Separe um tempo para revê-los com a família reunida.

Prepare jogos para brincar
Convide todos para jogar algo. Pode ser baralho, xadrez, um jogo de tabuleiro, futebol de mesa ou qualquer outro que vocês gostem. O importante é juntar a família e se divertir o fim de semana todo!

FONTE: Blog Imaginarium



Decoração de Natal para fazer com as crianças

28 de novembro de 2018 | Por cemara

Já estamos na reta final de 2018 e o Natal está cada vez mais próximo. Quem adora o clima festivo deste mês, também adora pensar em uma decoração de Natal, momento tão especial para esta época.

Muitas famílias aproveitam os fins de semana para montar a árvore de Natal. Participar da montagem pode ser bastante divertido para as crianças. No entanto, ainda melhor que montar a decoração é confeccioná-la.

Quer conferir um ar personalizado à sua decoração natalina e ainda se divertir com as crianças? Então conheça algumas ideias:

1- Bonecos de neve de tampinhas
Com tampinhas de garrafa, tinta, fitas e botões, dá para fazer bonecos de neve.

2- Árvore de gravetos e fitas
Com um graveto e pedaços de fitas em tons de verde e marrom, se faz uma árvore rústica e charmosa.

3- Soldadinho e chapéu de palito de sorvete
Apenas com palitos de sorvete, tinta, feltro e botões, você pode fazer esses enfeites para sua árvore.

4- Árvore de feltro
Com feltro, linha, miçangas, botões e lantejoulas, é possível fazer lindos enfeites.

FONTE: Tempo Junto



Puxadores de alumínio na decoração

14 de novembro de 2018 | Por cemara

Puxadores de alumínio dão um toque especial à decoração. São versáteis, resistentes e bonitos. Mas você sabe como combiná-los ou se eles realmente ficam bem em qualquer estilo decorativo?
Saber como utilizá-los é muito importante para não errar a mão na decoração. Confira algumas dicas que vão te ajudar a escolher a opção certa:
1. Puxadores de alumínio + portas largas

1

Com a popularização de áreas externas, como as varandas gourmet, o uso de portas largas tem se tornado tendência, e os puxadores de alumínio, naturalmente resistentes e sofisticados, são ideais para esse tipo de porta.

2. Puxadores de alumínio combinam com qualquer ambiente

2
Os puxadores de alumínio são versáteis e ficam bem tanto em áreas externas quanto em ambientes internos. Veja quais são as vantagens:
• Fácil substituição de móveis (já que os puxadores combinam com tudo, praticamente);
• Confere um ar moderno à decoração.

3. Também combinam com todos os estilos decorativos

3
Do clássico ao moderno, o alumínio é tão versátil quanto a madeira, por exemplo, que é um dos materiais mais harmoniosos.
A ideia é que o alumínio seja o elemento integrador de áreas, garantindo praticidade e charme às composições no manuseio de armários, gabinetes, prateleiras e, claro, portas e janelas.
Um bom exercício é pensar em como é ou será a decoração de cada ambiente da sua casa ou empreendimento e explorar a maneira com a qual o alumínio cai bem em cada um deles.

4. Puxadores de alumínio são resistentes e duráveis

4

Por fim, o grande trunfo dos puxadores de alumínio está na sua natural resistência e durabilidade. Afinal de contas, com o constante manuseio, é possível perceber, em outros materiais, o desgaste precoce das suas peças, bem como a deformidade no próprio puxador.
E isso não acontece com o alumínio, que garante longo tempo de uso sem ter que se preocupar em substituição.

Fonte: Pauma



Decoração de Interiores: conheça as tendências de 2019

24 de outubro de 2018 | Por cemara

Estamos chegando à reta final de 2018. E como em toda transição de um ano para outro, estabelecemos novas metas e desafios.

Esses planos também podem se aplicar para a decoração da nossa casa de acordo com as novas tendências. Se você deseja planejar essa mudança, vamos te ajudar dando algumas dicas de tendências para a decoração de interiores 2019.

No próximo ano, o aconchego e referências à natureza estarão em alta, dando espaço para o orgânico. Confira:

Cores da terra e a natureza

Em 2019, veremos uma paleta de cores mais quentes e impactantes que no ano anterior. A decoração será regida por tons que nos remetem à terra e à natureza. Umas das cores que proporcionam esse efeito são tons quentes de bege, diferentes tonalidades de verdes, vermelhos e laranjas, criando assim uma atmosfera mais aconchegante e relaxante.

Plantas: mais verde na decoração

O verde vai tomar conta da decoração através das plantas, mais uma vez, fazendo referência à natureza. Nas paredes, tanto para sala como para o quarto, cores de tintas verde suave também serão destaque.

Objetos decorativos em dourado

O dourado estará presente em adornos, espelhos, cachepots, pés de mesas e cadeiras, poltronas e sofás. Ele dará um toque de sofisticação e brilho à decoração.

Cozinhas: madeira natural + tons terra

Também estarão em alta as cozinhas com superfícies marrons e de madeira natural, contrastando com parede amarela e armários brancos.

Formas: destaque para as curvas

As linhas retas que vinham fazendo sucesso nos últimos anos, principalmente com a ascensão do estilo escandinavo ou nórdico, serão substituídas pelas curvas. As formas orgânicas também nos remetem a formas da natureza e têm como objetivo transformar os ambientes em espaços mais confortáveis.

Espelhos ovais

A ordem é ousar e criar novas sensações com móveis curvilíneos. Linhas curvilíneas fazem com que o ambiente, mesmo escuro, tenha um toque de leveza. Além das curvas em elementos da decoração como em tapetes e alguns móveis, a forma oval também estará nos espelhos.

 

FONTE: Homify



15 brincadeiras criativas e econômicas para as crianças

11 de outubro de 2018 | Por cemara

Para se divertir, a criança não precisa sair do lugar. Ela pode ir longe através de brincadeiras que utilizem a imaginação. Em grupo, essa diversão pode se tornar maior ainda!

Nesse Dia das Crianças, independente se você estiver em casa ou viajando, proponha alguma ideias de brincadeiras para tornar o dia dos pequenos ainda mais legal. Confira dicas criativas (e econômicas) a seguir:

1. Atravessar a teia: Faça uma cama de gato com barbante ou papel crepom usando os móveis da casa e paredes, ou em áreas externas nas árvores.

2. Batata quente: Com uma bola em mãos, as crianças devem estar sentadas em um círculo. Uma delas, fora da roda e com os olhos fechados, deve cantar: “Batata quente, quente, quente…” em diferentes velocidades para que as outras passem a bola. Quando ela disser “queimou”, quem estiver com a bola em mãos é eliminado.

3. Boliche de garrafa pet: Utilize garrafas pet e uma bola para criar um jogo de boliche. Você pode pintar as garrafas ou decorá-las com durex.

4. Cabaninha: A mesa da sala ou um canto no jardim podem ganhar uma cobertura de lençol para criar uma cabaninha. Derivações, como acampamento e festa do pijama, também são boas opções.

5. Caça ao tesouro: Essa brincadeira clássica é simples, basta esconder pistas que levem as crianças até algum tesouro, e deixá-las se divertirem com a investigação.

6. Complete o desenho: Essa brincadeira funciona muito bem com crianças de diferentes idades. Recorte figuras e cole no jornal, depois, a ideia é que as crianças criem desenhos a partir daquelas figuras.

7. Desenho maluco: Cada criança recebe uma folha de papel em branco para desenhar. Dobram-se os papéis para esconder o que foi feito e as crianças trocam os papéis uma com as outras para que cada criança desenhe a próxima parte. Assim, troca-se até completar. A ideia é ver e se divertir com os resultados finais inesperados da união dos desenhos.

8. Futevôlei de bexiga: Use um barbante amarrado ligando dois pontos (podem ser duas cadeiras) para dividir os “campos”. As crianças se dividem em dois times e devem chutar as bexigas de um lado para o outro por cima dos balões.

9. Pingue-pongue de bexiga: Pratos de papel, palitos de picolé, e um balão são tudo que você precisa para brincar de pingue-pongue de balão.

10. Mímica: Separa-se as crianças em dois grupos e define-se um tema. Cada time escolhe um elemento – de acordo com o tema – que será performado em mímica por um integrante do outro grupo. O objetivo é acertar o que a mímica representa em um determinado tempo. Quando um grupo acerta, ou o tempo se esgota, é a vez do outro grupo receber um tema para fazer a mímica.

11. “Quem sou eu?”: Essa brincadeira funciona para crianças já alfabetizadas. Em roda, cada criança deve escolher o nome de uma pessoa famosa ou personagem, e escrever em um papel. Cada papel será grudado na testa da pessoa ao lado, sem que ela veja. A ideia é que cada pessoa tente descobrir a pessoa que está em sua testa. Para isso, deve fazer perguntas e os outros participantes podem responder apenas sim ou não.

12. Passa anel: As crianças são colocadas em roda e uma delas segura um anel nas mãos. A ideia é que ela passe com as mãos por toda a roda e, sem deixar os outros perceberem, passe o anel para outra criança. Ganha quem descobrir com que está o anel.

13. Telefone sem fio: Em roda, uma criança deve começar, falando uma palavra ou frase à sua escolha no ouvido da pessoa ao lado, e assim por diante até chegar à última criança antes de quem começou. Ela deve falar alto a palavra ou frase que ouviu.

14. Teatro de dedoches: Os dedoches são fantoches usados nos dedos. Convide as crianças a criarem seus próprios personagens e montarem uma apresentação. Você vai precisar de papel, giz de cera, lápis de cor ou tinta, cola e tesoura. Para montar o dedoche, basta dobrar o papel ao meio e colar (para ficar mais durinho).

15. Teatro de sombras: Uma caixa de sapato e papel vegetal se transformam em um palco. Com papel e palitinhos, as crianças criam personagens. A ideia é, mais uma vez, apresentar essa ideia e convidar as crianças a criarem seus personagens e apresentarem suas peças.

 

FONTE: Catraquinha 



21 de agosto de 2017 | Por cemara

CEMARA_JOB_1540_17_POST_21_08_CI_APP_FINANCAS

Aplicativos ajudam a gerenciar finanças pessoais

A crise econômica do Brasil está obrigando as pessoas a pensarem duas vezes antes de investir dinheiro em algum produto ou serviço. Planejar os gastos e poupar suas economias virou uma prática mais necessária do que nunca na vida de todo cidadão que almeja realizar seus sonhos como, por exemplo, comprar um terreno e construir a casa própria.

Segundo os especialistas, quando as pessoas entendem os fatores que influenciam suas escolhas financeiras, elas conseguem equalizar seus desejos imediatos com suas necessidades de longo prazo. E aí, a tecnologia pode ajudar qualquer pessoa a organizar seu orçamento doméstico. A internet disponibiliza vários aplicativos de gerenciamento de finanças pessoais. Para ajudar, selecionei três aplicativos que podem auxiliar nessa tarefa e que são fáceis de usar no smartphone:

O app “Minhas Economias” oferece a possibilidade do usuário cadastrar gastos recorrentes e futuros, o que é bastante útil para se planejar e se antecipar financeiramente. Além disso, o aplicativo permite gerenciar empréstimos, investimentos, financiamentos e até mesmo a aposentadoria. É possível registrar todos os ganhos e gastos. Tem versão para Android e iOS.

O app “Guia de Bolso” foi desenvolvido por brasileiros, por isso, é uma solução pensada especialmente para a realidade do País. Um dos seus diferenciais é a automatização, ou seja, ele mesmo identifica quanto o usuário ganha e quanto gasta, criando relatórios gráficos que ajudam no controle das finanças domésticas. Isso é possível porque o aplicativo se conecta diretamente à conta bancária e aos cartões de crédito, observando quaisquer transações financeiras e adicionando-as em uma lista de recebimentos e gastos.

O app “Organizze” tem uma interface simples que permite ao usuário ter uma clara noção dos gastos como alimentação, transporte, lazer, estudos, entre outros. Assim, a pessoa pode recalcular suas prioridades e controlar seu dinheiro de forma mais eficaz. Outro recurso do app é a função Metas, que ajuda o usuário a definir metas de economia para finalidades diversas. Com o tempo, o dinheiro que sobra no fim do mês vai “enchendo a barra” da Meta até que o usuário tenha guardado o suficiente para gastar naquele objeto de desejo.



Páginas:123»

Certificados e Prêmios



Realizações Cemara
Realizações Cemara
Realizações Cemara
Realizações Cemara