Mostrando posts da categoria: Cultura


Região de São José do Rio Preto – 13ª Festa das Nações de Cedral acontece de 15 a 17 de maio

13 de maio de 2014 | Por admin

A Festa das Nações de Cedral é um evento popular que foi criado com intuito de promover o lazer da população e arrecadar alimento ao Fundo Social de Solidariedade do município.

Com o passar do tempo, foi ganhando fama e se profissionalizou, garantindo destaque entre as festas populares oferecidas por toda região.

Hoje, a festa é uma referência em segurança e estrutura para evento ao ar livre e um dos recordes de público da região de São José do Rio Preto.

A Festa das Nações tem este nome porque sempre se comprometeu em resgatar a cultura de diversos países através de apresentações artísticas e da culinária. Tanto é que em todas as edições conta com barracas com comidas típicas de diversas nacionalidades. No decorrer dos últimos 13 anos, artistas locais passaram a dividir a responsabilidade de animar o público em cima de palcos, ao lado de bandas shows e apresentações de cantores famosos.

Já participaram da Festa das Nações de Cedral, cantores consagrados como Latino, Victor & Léo, Roupa Nova, Fred & Gustavo, Matogrosso & Mathias, Caio Mesquita, Marciano e outros.

Atualmente a Festa das Nações de Cedral, que ostenta o título de uma das maiores festas populares da região, integra um projeto de inventivo ao comércio local e tem parte de sua renda revertida para instituições assistências de Cedral.

Para esta edição, a organização preparou uma grade de shows para todos os gostos e espera reunir centenas de turistas. O público vai curtir axé, sertanejo e rock. No dia 15, quem se apresenta é Seu Moço e Luan Santana, uma mistura que vai deixar a noite ainda mais especial. No dia 16, João Bosco e Vinicius, cantam sucessos como “Sorte é ter você”, recém lançada e “Eu vou morrer de amor”. Com “Olhar 43” e outras, o grupo RPM fecha em grande estilo o evento, no dia 17.

O evento é totalmente filantrópico, sendo organizado pelo Fundo Social de Solidariedade de Cedral – SP. Quem quiser conferir os shows na pista, basta doar um quilo de alimento não perecível.

A Festa das Nações de Cedral 2014 será de 15 a 17 de maio. Confira os shows:

15/05 – Seu Moço e Luan Santana
16/05 – João Bosco e Vinicius
17/05 – RPM

1922424_230197410437230_1882334706_n

Fonte: https://www.facebook.com/festadasnacoescedral/info



São José do Rio Preto e região – Cultura de Mirassol oferece show de jazz em comemoração ao Dia das Mães

9 de maio de 2014 | Por admin

 

shutterstock_147816581

Jazz na Praça. Essa é a proposta do Departamento de Cultura para a comemoração do Dia das Mães em Mirassol. No próximo sábado (10), a partir das 10h30, o grupo Free Jazz estará na Praça Dr. Anísio José Moreira (esquina da rua “Armando Sales”) promovendo uma hora e meia de música boa. Somados às referências clássicas do Jazz, sons da bossa nova também devem protagonizar o evento.

“Maravilhosa essa iniciativa da Prefeitura de mostrar outros segmentos da música. São músicos de imenso talento, que circulam por todo o estado, com um repertório muito bom. Não significa que as pessoas não gostem de música clássica, é que elas não estão tendo a oportunidade de escutar”, disse a pianista mirassolense, Jussara Pinto, responsável pela direção artística do evento.

“A Cultura de Mirassol tem uma grande bandeira: a pluralidade. Isso inclui oferecer a população o acesso a outros gêneros de música”, salienta o Diretor de Cultura, Haynes Hid Fraiha.

O Free Jazz nasceu há quatro anos; na sua composição, dois mirassolenses: Waldemar Sanches, Sax, e Hamilton Thomé, baterista. No restante do grupo: Ariadne Vocci, no vocal, Ilson Silva, no trompete, Edgar Silva, no contrabaixo, Esdras Nunes, nos teclados.

Fonte: Mirassol



Sesc de Piracicaba recebe Festival Melhores Filmes; veja programação

6 de maio de 2014 | Por admin

Das 10 produções exibidas na cidade, 6 são nacionais e 4 estrangeiras.
Obras ainda estarão em cartaz na Unimep e na Capela do Monte Alegre.

Cena do filme Som ao Redor, que será exibido na quarta-feira (7) em Piracicaba (Foto: Reprodução)

O Sesc de Piracicaba (SP) recebe, a partir da próxima terça-feira (6), o Festival Melhores Filmes, que comemora 40 anos em 2014. A unidade receberá 10 produções, sendo seis nacionais e quatro estrangeiras. O longa-metragem O Abismo Prateado abre a programação, às 20h. As exibições são gratuitas para matriculados no Sesc e os ingressos para não matriculados custam de R$ 3 a R$ 6 por filme.

O festival também terá exibições na Universidade Metodista de Piracicaba (Unimep) e na Capela do Monte Alegre.

Criado em 1974 em São Paulo (SP), o Festival Melhores Filmes reúne as produções mais significativas que passaram pelas telas da cidade no ano anterior, em filmes escolhidos por meio de votação de público e crítica especializada. Em 2009, o festival passou a circular por outras cidades, levando parte dos filmes selecionados na capital.

O filme de abertura é dirigido por Karim Ainouz e tem no elenco Alessandra Negrini, Thiago Martins e Gabi Pereira. Inspirado na música Olhos nos Olhos, de Chico Buarque, o longa conta a história de Violeta, uma dentista de 40 anos que recebe uma mensagem de seu marido pelo celular dizendo que irá embora para sempre.

Minicurso

O festival em Piracicaba irá oferecer também um minicurso nos dias 17 e 18 de maio com profissionais do Studio Fátima Toledo, responsável pela preparação dos atores de filmes como Cidade de Deus, Tropa de Elite 1 e 2 e Central do Brasil. A participação é aberta e gratuita para atores e para o público em geral. Os interessados devem fazer inscrição na Central de Atendimento do Sesc ou pelo e-mail inscricao@piracicaba.sescsp.org.br, informando nome do curso, nome completo do participante, idade e telefone.

Confira a programação completa do Festival Melhores Filmes:

– O Abismo Prateado – terça (6), às 20h
– Frances Ha – quarta (7), às 20h
– O Som ao Redor – quarta (7), 21h30
– Tatuagem – sexta (9), às 20h, auditório da Unimep
– Azul é a Cor Mais Quente – terça (13), às 20h
– Mataram Meu Irmão – terça (20), às 20h
– Pais e Filhos – terça (20), às 21h30
– São Silvestre – quarta (21), às 20h
– Branca de Neve – terça (27), às 20h
– Uma História de Amor e Fúria – quinta (29), às 20h, na Capela de Monte Alegre

Fonte: G1



5º Festival Nacional de Música Sertaneja – FENAMUSERT acontece em São José do Rio Preto

2 de maio de 2014 | Por admin

Acontece em São José do Rio Preto, entre os dias 09 e 11 de maio no Teatro Municipal Paulo Moura, o 5º Festival Nacional de Música Sertaneja – FENAMUSERT, trazendo artistas de diversas regiões do país.

O Festival tem início às 20 horas e o ingresso será 1 quilo de alimento não perecível, que será doado ao Fundo Social de Solidariedade.

No dia 09, além das apresentações da primeira etapa do Festival, as Irmãs Barbosa, consideradas atualmente um dos mais perfeitos duetos da música popular brasileira, apresentarão um musical.

No dia 10 seguem as apresentações dos candidatos de diversas localidades do país e a participação da dupla Léo Canhoto & Robertinho, defensores da música raiz.

O encerramento do evento acontece no domingo, dia 11, com os participantes classificados anteriormente e a apresentação da dupla Lourenço & Lourival, que cantam a música sertaneja há mais de 50 anos.

As inscrições dos artistas participantes ocorreram até o dia 22 de abril e as músicas foram avaliadas pelo corpo de jurados composto por pessoas conhecedoras da arte e artistas renomados da música sertaneja.

A Secretaria de Cultura de São José do Rio Preto divulgou as músicas classificadas, sendo elas:

Edivaldo Pereira (Mineirinho do forró)
Severínia – SP
Música: “Saudade de um lavrador”

Denny & Cinthia Marques
Pinhais – PR
Música: “Viola”

Hilton Rodrigues
São José do Rio Preto
Música: “Onde está meu amor”

Pedro Carreiro & Fabiano
Teodoro Sampaio – SP
Música: “O fim da saudade”

Renan & Renata
São José do Rio Preto
Música: “Tempo que se foi”

Rogério Flávio
Itambacuri – MG
Música: “Pássaro errante”

Douglas & Delrey
Santa Luzia – MG
Música: “Vale a pena tentar”

Wando & Marco Franco
Rancharia – SP
Música: “Ponto negro”

Os dois violeiros
Jundiaí – SP
Música: “Cheiro de gado”

Tony Garcia & Divaney
Mirassol – SP
Música: “Milagres de Aparecida”

Paulo Sousa & Beto Maia
Eloi Mendes – MG
Música: “Vingança da natureza”

Alex Ayusso (Ariadne)
São José do Rio Preto
Música: “Lógica do coração”

Preto Moreno
São José do Rio Preto
Música: “Bicho homem”

Jordan Teixeira & Élias Martins Junior
São José do Rio Preto
Música: “Quero agradecer”

Paraná & Piazinho
Pouso Alegre – MG
Música: “Fatalidades da vida”

Allexandre Aguiar
São Paulo – SP
Música: “Anjo traído”

Cláudio Damatta & Hugo Arantes
Volta Redonda – RJ
Música: “Minha terra”

Eduardo Henrique Velpe Rico
São José do Rio Preto
Música: “Jato particular”

Jefferson & Eduardo
Londrina – Paraná
Música: “Se liga”

João Gonçalo & Juliano
Bady Bassit – SP
Música: “Franqueza e afirmação”

João Paulo & Fernando Viola
Pedreira – SP
Música: “Viola sagrada”

Nhô Nino & Zé Davi
São José do Rio Preto
Música: “Estrada velha”

Antenor De Souza (Braulli Reis)
São José do Rio Preto
Música: “Aves Do futebol”

Bruno Viola & Tomazine
Pindorama – SP
Música: “Saudosa estância”

Informações do site: http://www.riopreto.sp.gov.br/PortalGOV/do/noticias?op=viewForm&coConteudo=134088



1º Ateliê SPCD em Piracicaba tem início intenso

30 de abril de 2014 | Por admin

Naiara Lima

Foto: Amanda Vieira/JP

Começou a programação de aulas e apresentações do 1º Ateliê Internacional São Paulo Companhia de Dança (SPCD).

Até sábado (03/05), o Parque do Engenho Central será um grande acampamento da dança, com a participação de 160 bailarinos de diversas partes do país, que estão alojados no espaço.

Durante o dia eles têm aulas teóricas e práticas com professores de renome nacional e internacional. Além disso, participam de uma montagem coreográfica que será apresentada no sábado (03/05).

À noite, o Teatro do Engenho abre suas portas para receber o público, às 20h30. O secretário estadual de Cultura, Marcelo Mattos Araújo, visitou na terça-feira (29/04) o local e participou da abertura do evento.

Na quarta-feira (30/04), o teatro recebe o segundo espetáculo da SPCD no Ateliê. A apresentação desta noite reúne as coreografias Bachiana Nº1, de Rodrigo Perdeneiras; Gran Pas de Dex de o Cisne Negro, de Mario Galizzi, feito a partir do original de Marius Petipa; e Gnawa, de Nacho Duato.

Para além das apresentações, a proposta do evento é a troca de experiências e estímulo ao aprendizado. Oito tendas foram erguidas no local para que as aulas sejam ministradas.

Segundo Inês Bogéa, diretora da SPCD, a companhia tem como compromisso o trabalho na área da formação de plateia, mas também busca levantar reflexões sobre a dança e seu ensino no país.

“No ano passado nós realizamos o 1º Seminário Internacional de Dança, agora, a partir da sugestão do secretário de cultura, ampliamos essa iniciativa, buscando trazer à tona a reflexão sobre o corpo em movimento, sobre as possibilidades de aprendizado e as mil maneiras de se dançar”, afirmou.

Inês relatou que o clima do Ateliê reúne reflexão, encontro e troca. “Temos as mais diversas experiências dos bailarinos que participam. É uma delícia ver a alegria deles em poder compartilhar isso”, disse.

Uma das alunas é Jéssica Bellincanta, 25, que desde 2006 decidiu adotar a dança como profissão. Ela veio de Campo Grande, Mato Grosso do Sul, com a expectativa de aprender ainda mais.

“Eu também dou aula, então espero poder levar um pouco do que eu aprender para meus alunos em minha cidade”, relatou.

Segundo ela, todos estão cheios de expectativas e também curiosidade. Já o bailarino Tiago Weber, 21, de Santa Catarina, pontuou que todos estão dedicados ao evento. “A energia é muito boa. Vejo que os professores estão se doando e os alunos realmente querendo aprender”, afirmou.

Para ele, o Ateliê possibilita o contato com muitos profissionais, além da experiência de trabalhar com professores internacionais, ver e ser visto.

Os dois bailarinos vão apresentar uma coreografia formulada por Erika Novachi, diretora-residente do Galpão 1 Cia. de Dança. Segundo ela, a montagem irá tender para uma dança lírica. “O resultado final dependerá muito dos bailarinos que participam”, disse.

Fonte: Jornal de Piracicaba



Festival de Orquídeas de Piracicaba terá ‘pronto-socorro’ para plantas

25 de abril de 2014 | Por admin

Foto: Arquivo/Nilo Belotto/JP

O 1º Festival de Orquídeas de Piracicaba ocorre entre os dias 29 de abril e 11 de maio, no Shopping Piracicaba. O evento terá o SOS Orquídeas — espaço destinado às pessoas que já possuem orquídeas, mas que estão com suas plantas “doentes” e precisando de ajuda.

“A feira oferecerá orquidófilos experientes que poderão auxiliar e dar dicas para as pessoas que estão com suas plantas com algum problema nas folhas, caule, raiz ou flor. É um pronto-socorro mesmo”, disse a idealizadora da mostra, a orquidófila Marilza Portela.

Entre as plantas de destaque da exposição está a Vanilla planifólia, uma das espécies mais famosas e bonitas. Originária da América Central, a espécie trepadeira pode atingir mais de trinta metros de altura e desabrochar até mil flores, que permanecem abertas por apenas 24 horas.

Segundo a especialista, a Baunilha, como é popularmente conhecida, pode ser facilmente cultivada no jardim de casa.

“Uma boa dica é cultivá-las à meia-sombra. O plantio deve ser realizado com estacas longas, de pelo menos 80 cm, em solo fértil e enriquecido com matéria orgânica”, explicou Marilza.

Serão cerca de 1.000 vasos de plantas à venda.

SERVIÇO — 1º Festival de Orquídeas de Piracicaba. De 29/04 a 11/05, no Shopping Piracicaba (avenida Limeira, 722). Segunda a sábado, das 10h às 22h. Domingo, das 11h às 22h. Entrada gratuita. Mais informações: (16) 9 9217-4052. Dados fornecidos pelos organizadores.

Fonte: Jornal de Piracicaba



São José do Rio Preto e outras cidades do interior recebem o Fórum Internacional de Dança do Estado de São Paulo – FIDESP

23 de abril de 2014 | Por admin

Reunindo companhias nacionais e internacionais, acontece entre os dias 25 de abril a 03 de maio o Fórum Internacional de Dança do Estado de São Paulo (FIDESP).

Realizado em onze cidades do interior do Estado, entre elas, São José do Rio Preto, o Fórum reúne cursos, workshops, oficinas e apresentações a fim de disseminar conhecimento pertinente ao mundo da dança.

Mais informações podem ser encontradas na página do evento no Facebook: https://www.facebook.com/ForumInternacionaldeDancadoEdeSP



Paixão de Cristo, em Piracicaba, chega a 25 anos de apresentações

14 de abril de 2014 | Por admin

Foto: Divulgação
O evento conta com a participação de um elenco formado por cerca de 350 pessoas, entre atores, figurantes, artistas e técnicos

Em 2014, pelo vigésimo quinto ano consecutivo, entre os dias 13 e 20 de abril, ou seja, durante a Semana Santa, a Associação Cultural e Teatral Guarantã realiza o espetáculo “Paixão de Cristo de Piracicaba”, apresentação teatral centrada na epopeia bíblica e que narra os últimos dias de Jesus Cristo na Terra, em uma encenação com cerca de 2h de duração.

Contando com a participação de um elenco formado por cerca de 350 pessoas, entre atores, figurantes, artistas e técnicos, esta é uma das melhores montagens cênicas do país e a maior de todo centro sul do Brasil.

Como já é tradição, as oito apresentações acontecem entre os domingos Ramos e de Páscoa, sempre às 20 horas. O local da encenação é o Parque Engenho Central – antiga usina de açúcar, localizado às margens do rio Piracicaba. A direção artística pertence ao diretor Carlos ABC, que dirige a peça pela quinta vez, e o texto é de Raul Rozados.

O espetáculo

Lembrando uma verdadeira cidade cenográfica e tudo a céu aberto, a montagem acontece num espaço de oito mil metros quadrados e a história transcorre em cenas simultâneas, encenadas para permitir ao público uma completa visibilidade de todos os palcos que compõem toda a estrutura, onde se desenvolvem 44 cenas.

Acomodado em uma arquibancada com capacidade para mais de 2,5 mil pessoas, no decorrer da apresentação o espectador sente-se envolvido pelo clima do espetáculo, num realismo obtido graças aos inúmeros efeitos cênicos e técnicos. A dramaticidade da trilha sonora, juntamente com os recursos utilizados, tais como carruagens, bigas, soldados e artistas circenses, remete o espectador à própria época.

Por tudo isto, e após 25 anos de apresentações ininterruptas, a Paixão de Cristo de Piracicaba é reconhecida, pela crítica especializada, como um dos melhores espetáculos do gênero em todo o país.

No local haverá praça de alimentação, segurança, estacionamento e serviço de assistência de ambulância da SOS Unimed, com socorrista e técnico de enfermagem.

Ingressos

O valor dos ingressos para o espetáculo Paixão de Cristo 2014 ficou estabelecido da seguinte forma:

Dias 13, 14, 15 e 20 de abril – R$ 10
Dias 16, 17 e 19 de abril – R$ 15 inteira e R$ 7 meia (com apresentação de documento)
Dia 18 de abril – R$ 20 inteira e R$ 10 meia (com apresentação de documento)

Tem direito a apagar meia entrada estudantes e idosos acima de 60 anos. Criança até 6 anos não pagam, acima de 6 até 12 anos pagam meia.

Camarotes

Já o camarote possui outra relação de preços:
Dias 13, 14, 15,16 e 20 de abril – R$ 30 individual ou R$ 250 pacote com 10 cadeiras
Dias 17 e 19 de abril – R$ 40 individual ou R$ 350 pacote com 10 cadeiras
Dia 18 de abril – R$ 50 individual ou R$ 450 pacote com 10 cadeiras

Camarotes têm vendas antecipadas

Estacionamento

Até o dia 10 de abril é possível adquirir ingressos antecipadamente para os camarotes, pelo telefone (19) 3375-5198 ou e-mail ingressos@guaranta.org.br.

Estacionamento com seguro
R$ 15. A cada cinco cadeiras de camarote grátis uma vaga no estacionamento.

Como chegar

Piracicaba está localizada a 160 km de São Paulo, a 80 km de Campinas, 40 km de Tietê e a 30 km das cidades de Limeira e Rio Claro. No sentido capital interior, pela via Anhanguera, acesse a rodovia Luiz de Queiroz (SP 304) no Km 120. Pela rodovia dos Bandeirantes, o acesso é no Km 134 B. O acesso ao Engenho Central acontece somente pela entrada do Mirante – Av. Maurice Allain, 454.

Serviço

25ª Paixão de Cristo de Piracicaba

Realização: Associação Cultural e Teatral Guarantã

Local: Engenho Central

Data: 13 a 20 de abril de 2014

Informações: (19) 3413-7888

Site: www.guaranta.org.br

Fonte: Paulista IG



Você de São José do Rio Preto, Mirassol ou cidades próximas: temos uma dica!

9 de abril de 2014 | Por admin

SISEM-SP e ACAM Portinari levam a mostra ‘Pelos Caminhos da Estrada Boiadeira’ a Mirassol

Com entrada gratuita, exposição apresenta o desenvolvimento econômico e social da região atrelado à história da Estrada Boiadeira do Taboado

O Sistema Estadual de Museus (SISEM-SP), instância ligada à Secretaria de Estado da Cultura, em parceria com a Associação Cultural de Apoio ao Museu Casa de Portinari (ACAM Portinari) e a Prefeitura de Mirassol, apresenta, a partir do próximo dia 17 de março (segunda-feira), no Museu Municipal Jezualdo D’Oliveira, a exposição “Pelos Caminhos da Estrada Boiadeira”.

Com produção do votuporanguense Evandro Junior Ferreira da Silva, a mostra fotográfica itinerante apresenta os costumes, tradições, vilarejos, personagens, além da fauna e da flora natural do serrado paulista, e como eles contribuem para o desenvolvimento econômico e cultural.

O conteúdo conta com imagens de cidades e vilarejos que estão às margens da centenária estrada, partindo da margem do Rio Paraná, onde está Rubinéia, até as ruínas da estação férrea entre Ecatu e Tanabi. Apresenta para a população a história da Estrada Boiadeira do Taboado e a sua contribuição para o desenvolvimento econômico e cultural de vilas e cidades do interior.
Após passar pelo município, a exposição percorrerá a região. As próximas cidades a receberem a montagem são Américo de Campos, Ouroeste, Tanabi, Monte Aprazível, Zacarias, Sales e Votuporanga.

Aberta à comunidade gratuitamente, a visitação acontece até 21 de abril (segunda-feira), de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. O Museu Municipal Jezualdo D’Oliveira está localizado na Rua Rui Barbosa, 21-70, no Centro. Outras informações pelo telefone (17) 3242-6244.

Serviço
Exposição “Pelos Caminhos da Estrada Boiadeira” em Mirassol
Período: de 17/3 a 21/4/2014
Local: Museu Municipal Jezualdo D’Oliveira (Rua Rui Barbosa, 21-70, Centro – Mirassol/SP)
Horário: segunda a sexta-feira, das 8h às 17h
Informações: (17) 3242-6244
Entrada: gratuita

Fonte: Sisem



Páginas:«123

Certificados e Prêmios



Realizações Cemara
Realizações Cemara
Realizações Cemara
Realizações Cemara